O disco foi produzido por Caio em parceria com o produtor Pedro Carneiro e co-produzido por William Lage, e o trio foi responsável pela maioria dos instrumentos do álbum, desde a costura dos arranjos simples e expansivos até a programação das batidas eletrônicas inspiradas no ragga, onipresentes em Muiraquitã, com mixagem e masterização a cargo do produtor Chico Neves (Os Paralamas do Sucesso, Skank, Los Hermanos).

Crê-se que o muiraquitã, enquanto amuleto, nunca pode ser adquirido, apenas ofertado como presente. Com humildade e perseverança, Caio Corrêa transformou o maior desafio de sua carreira artística em um amuleto ímpar, seu próprio Muiraquitã, oferecido com graça a todos os que o acompanharam até aqui e aos novatos dispostos a embarcar nessa jornada com ele. É ao mesmo tempo um gesto de agradecimento e o aperitivo de uma carreira que, pelo que demonstra até aqui, promete render muitos frutos repletos de entrega e elocubração nos anos a seguir. De fato, um presente.

Boas Novas

Papel de Pão

Toma Aí

É Gol

Sítio Forte

O Caldo

Hoje Quem Ri Sou Eu

Pera Aí

Xote

Isso Me Faz Bem

0:00

?>